Buscar
  • Equipe Dra. Eliane Garcia

A IMPORTÂNCIA DO LÚDICO NO ATENDIMENTO INFANTIL


É preciso entender o comportamento infantil, em todas as suas fases, para que o atendimento à criança seja o mais efetivo possível. Uma das formas mais eficazes no tratamento odontológico é envolver a criança de modo participativo através do lúdico, que naturalmente já faz parte de sua vida.

Durante o brincar, a criança tem as primeiras experiências com valores, como a responsabilidade, além de aprender a importância da negociação, da conquista, da convivência com regras e da resolução de conflitos. Técnicas lúdicas como a da distração infantil são consideradas bastante eficientes, seguras e de baixo custo, podendo ser uma simples conversa, o uso do espelho manual, livros de estória e até equipamentos eletrônicos como TV, óculos virtuais e minigames. Tais atividades trazem significado à criança e fará com que ela se sinta mais segura durante um tratamento, que deve ser, sobretudo, humanizado. A criança precisa ser conquistada a colaborar, sendo a atividade lúdica essencial neste contexto.

O diálogo e as brincadeiras são ferramentas que o Odontopediatra tem a sua disposição para estabelecer um relacionamento de confiança com a criança, o que trará benefícios amplos no processo de prevenção e na condução de um possível tratamento. A colaboração da criança durante o atendimento deve ser voluntária, nunca imposta. Dessa forma, é preciso conquistá-la e estabelecer uma relação de troca, do colaborar com o brincar.

Ao brincar, a criança expões seus medos e angústias, podendo entender a melhor maneira de lidar com esses sentimentos.

Para um atendimento com maiores chances de sucesso, deve-se oferecer à criança, além do brincar, uma comunicação linguística afetiva, com aplicação de reforço positivo, controle de voz e outras técnicas que o profissional deve dominar.

A estrutura física do consultório odontopediátrico, com objetos bem dispostos exercem um papel importante no relacionamento com o paciente e seus cuidadores e devem servir de motivação, inclusive, para o autocuidado na saúde bucal.

As manifestações lúdicas por meio dos brinquedos trazem o ensinamento que a resolução de problemas, sobretudo bucais, pode ser divertida. Os jogos e brinquedos, quando respeitam a faixa etária da criança, podem ser mais efetivos que os tradicionais procedimentos utilizados na tentativa de aprendizado da prevenção.

ALÉM DOS BRINQUEDOS

A música é bastante eficaz de apreensão do conhecimento. As crianças ficam mais motivadas para a realização da higiene bucal, tornando o ato de escovação um momento alegre e descontraído. Quanto o profissional canta junto com a criança, ele desenvolve um processo socializador.

Outro mecanismo importante é a estória infantil, que tem um papel fundamental no desenvolvimento intelectual e emocional das crianças e atua de forma motivadora e de grande significância na redução da ansiedade. O PREPARO PROFISSIONAL

O profissional deve estar preparado, técnica e pessoalmente, para lidar com o comportamento do universo infanto-juvenil, favorecendo o despertar do interesse e da motivação de acordo com a fase de desenvolvimento em que a criança se encontra. Quando o profissional dá ênfase às atividades lúdicas, torna possível a criação do vínculo e adesão ao tratamento, isto porque o lúdico envolve a criança naquilo que ela mais tem de realizador: a satisfação de estar bem consigo mesma.

No consultório Dra. Eliane Garcia, as crianças têm contato com o lúdico em todas as suas formas: brinquedos, jogos, comunicação afetiva, músicas e estórias.

#LÚDICO

193 visualizações0 comentário