top of page
Buscar
  • Foto do escritorEquipe Dra. Eliane Garcia

Ranger dos dentes em criança é sintoma de um problema maior




O ranger dos dentes, também conhecido como bruxismo, é um problema que pode afetar crianças de todas as idades. Embora possa ser considerado comum, especialmente durante a infância, é importante lembrar que o problema pode causar danos prolongados aos dentes e à saúde bucal em geral.


Existem muitas causas para o ranger dos dentes em crianças. As mais comuns incluem alterações na função respiratória, rinite, estresse emocional e ansiedade. Algumas crianças podem começar a ranger os dentes quando estão dormindo, enquanto outras podem ranger durante o dia, como uma forma de aliviar o estresse e a ansiedade.


De acordo com um estudo publicado no periódico International Journal of Pediatric Dentistry, o bruxismo infantil pode afetar cerca de 15% das crianças com idade entre 7 e 10 anos. Outro estudo, publicado no periódico Sleep Medicine, determinou que uma terapia comportamental pode ser eficaz para reduzir o bruxismo em crianças.


Além dos problemas emocionais, o ranger dos dentes pode causar danos físicos, como o desgaste dos dentes e até fraturas, além de dores de cabeça e dor facial. Se não for tratado, o bruxismo pode levar a problemas mais graves, como perda de dentes e problemas de articulação temporomandibular (ATM).


O tratamento depende da causa e da gravidade do problema. Em casos leves, pode ser suficiente a observação e monitoramento do problema, com acompanhamento de equipe multidisciplinar, como terapeuta, e em casos mais graves pode ser necessário o uso de uma placa dental, que não causa desconforto e protege os dentes.


Outros tratamentos possíveis incluem o relaxamento dos músculos da mandíbula, que pode ser alcançado através de massagens e terapia física, assim como a prescrição de medicamentos específicos que ajudam a relaxar os músculos da mandíbula e reduzir o ranger dos dentes.


Os pais também podem ajudar a prevenir o problema, incentivando um ambiente familiar tranquilo e relaxante antes da hora de dormir. Também pode ser útil evitar alimentos e bebidas que contenham cafeína e açúcar, já que estes podem piorar o bruxismo em algumas crianças.


Com a ajuda de um dentista especialista em crianças, pais e cuidadores podem ajudar as crianças a superar o bruxismo e manter a saúde bucal em dia.

1.406 visualizações0 comentário

Comentários


bottom of page